terça-feira, 14 de junho de 2011

ASSIM TE VEJO...


Vejo tristeza em teus olhos
Tua boca cala-se
Tua mente denuncia
Através da energia que de ti emana
E capto
  E sinto...
Não ouço ainda
Suas palavras esprimidas ,
compactadas .
Teu chip tá in-off
Mas
Uma vez gravado
Pedirei bloetooth
Aguardo teu grito
Cansado da luta
Sedento
E teus olhos vão sorrir
Um dia tudo será luz
Porque você é Sol e brilha como Ele.

12 comentários:

  1. Cada qual vê o que quer, pode ou consegue enxergar.

    "Porque eu sou do tamanho do que vejo.
    E não do tamanho da minha altura."

    Fernando Pessoa

    Beijos na alma........M@ria

    ResponderExcluir
  2. Olá Sylvia
    Um dia sai o grito preso na garganta, e a vida passa a ter novo brilho.
    Bjux

    ResponderExcluir
  3. ....falta-me o bloetooth......
    Abraço

    ResponderExcluir
  4. Com muito carinho estou seguindo seu blog
    fiquei apaixonada com seus poemas,deixando meu convite para conhecer e seguir tabmém o meu,beijos no coração,,Evanir

    ResponderExcluir
  5. É...
    A boca podé até calar, mas se há olhos q denunciam, há de haver outros olhos q enxerguem de modo especial.

    bjo
    lindo dia,m/irmã!
    =)

    ResponderExcluir
  6. Como se um grito preso essa tristeza,,,enfim,,,precisando forças pra se soltar...grande beijo de bom final de semana pra ti.

    ResponderExcluir
  7. Um grande beijo de belo sábado pra ti amiga,,muitos versos a alimentar a alma...

    ResponderExcluir
  8. Há sempre uma lua a iluminar
    Um coração por se perder
    Um leito por aquecer
    Porque o poeta dorme
    Em um chão de estrelas...

    Márcia Cristina Lio Magalhães

    Uma Semana iluminada e de muita Paz!
    M@ria

    ResponderExcluir
  9. Beijo super carinhoso de bom dia pra ti querida,,,muita poesia no coração e na alma...

    ResponderExcluir
  10. Um bom feriado pra ti amiga e um ótimo final de semana cheio de poesia e amor...beijos e beijos.

    ResponderExcluir
  11. Que linda poesia, ela derrama tristeza, mas apanha esperança aos pedaços.
    Beijokas.

    ResponderExcluir
  12. Querida amiga

    Quem aprende a ler,
    as palavras silenciosas
    do olhar,
    entende a profundidade
    da esperança
    em tuas palavras.

    Vida plena em teus dias

    ResponderExcluir